Depois do fracasso do Master System diante do NES no Japão e nos EUA, a Sega decide lançar seu novo console, o Mega Drive. As vendas iam bem, e para poder bater de frente com o Super NES, o novo console da Nintendo, a Sega decide criar um novo mascote para substituir o Alex Kidd que não tinha fôlego pra rivalizar com o mascote de sua rival o encanador Mario. Esse novo mascote seria o ouriço Sonic. O jogo fez um sucesso estrondoso e a Sega decidiu lançar também para seu antigo console e seu portátil uma versão do jogo. Esse foi o último jogo lançado oficialmente nos EUA para o Master System.

 

Informações Gerais

Sonic The Hedgehog

Ano de Lançamento: 1991

Sistemas: Master System e Game Gear

Produtora: Sega

 

Não é uma simples conversão… 

O jogo não é uma simples conversão da versão do Mega Drive, boa parte das fases são novas e não existem locais semelhantes. Das seis fases da versão Mega Drive, três estão presentes. Aliás, nenhum jogo do Sonic foi convertido do Mega Drive pro Master System (sem contar o Sonic Spinball, que é um “acontecimento paralelo” e o Dr. Robotink’s Mean Bean Machine que é a versão americana de Puyo Puyo que vinha direto dos fliperamas e não chegava a ser um jogo da série).  

Ao começar o jogo, você vê um mapa das fases por onde Sonic passará. O esquema do jogo é o mesmo da versão original: cada fase apresenta três atos, sendo que o terceiro é o mais curto e você apenas enfrenta o Dr. Robotnik. Durante as fases você receberá a ajuda dos monitores com itens que auxiliarão Sonic em sua jornada.

A história do jogo é básica e velha conhecida: o cientista Dr. Robotinik está seqüestrando e  tranformando os animais da floresta em robôs, que ajudariam em seus planos de dominar o mundo. Para obter o poder máximo, ele pretende reunir as seis esmeraldas do caos, que daria poderes incríveis ao seu possuidor. Sonic, o ouriço mais rápido do mundo, deve impedir que Robotinik realize seus planos diabólicos de reunir as esmeraldas e ainda salvar seus amigos.   

O jogo apresenta gráficos caprichados e bonitos, sendo que alguns detalhes das fases podem ser até comparados com a versão Mega Drive. A caracterização dos personagens também ficou muito boa, sendo na minha opinião, a melhor caracterização do Sonic nos 8 bits. As fases são bem interessantes e a seqüência delas fez mais sentido que a versão do Mega Drive.

Para recolher as esmeraldas, ao contrário da versão Mega Drive, em que elas estavam nas fases de bônus (ou Special Stage se preferir), elas estão localizadas no meio das fases no primeiro ou no segundo ato das fases. Já a fase de bônus também é bem diferente da versão do Mega, parecendo um pinball, aonde Sonic deve recolher o máximo de argolas possível e até mesmo um monitor que dá continues.

A jogabilidade é bem simples, no estilo clássico, apertando o botão você pula e o direcional move o Sonic para os lados. A sensação de velocidade é grande, principalmente na primeira fase, aonde é possível “andar na frente da fase”, fazendo com que a tela corra atrás do Sonic.

As músicas do jogo são excelentes, justamente por não usar versões “chupadas” do jogo do Mega Drive, e, as três únicas músicas provenientes dessa versão (a da fase Green Hill e o tema do Sonic e a música de conclusão da fase) ficaram muito boas. Já as novas composições, também ficaram excelentes, com destaque para a música das fases Scap Brain e Sky Base e também para o tema do Robotnik. Os efeitos sonoros também têm uma excelente qualidade e são fiéis aos sons da versão original, sendo melhor do que os do jogos que foram lançados posteriormente para o Master System/Game Gear.

        Mega Drive

 

 Apesar das qualidades excepcionais do jogo, ele apresenta alguns defeitos, pequenos, mas presentes. A dificuldade do jogo é baixa demais (apesar de eu ter sofrido pra terminar quando eu resolvi fazer essa análise) e em alguns momentos existem slowdowns que não chegam a atrapalhar o andamento do jogo. Mas apesar de tudo, sem dúvida nenhuma esse é um dos melhores jogos do Master System. Parabéns para a Sega que não fez uma simples adaptação do jogo pro Master System, mas praticamente criou um jogo novo.

Bons tempos…

As fases:

 

Green Hill (Colina Verde)

Cheia de rampas, existem alguns precipícios espinhosos que devem ser evitados.

Bridge (Ponte)

Passe rapidamente pelas “pontes que caem”, tomando cuidado para não cair no rio. No segundo ato, a fase “anda”.

Jungle (Selva)

Cuidado ao pular pelas plataformas, qualquer queda pode ser fatal.

Labyrinth (Labirinto)

Na fase subaquática, quando ver bolhas de ar saindo do chão, aperte rapidamente para a esquerda e direita, para que saia uma bolha de ar maior. Pegue-a para não morrer afogado.

Scap Brain (Fábrica)

Tome cuidado com os porcos e com os postes elétricos.

Sky Base  (Base aérea)

Tome muito cuidado com os raios da fase e com os canhões que atiram em sua direção. É a fase final.

Algumas diferenças entre as versões:

Apesar de parecerem idênticas, as versões do Master System e do Game Gear apresentam (pequenas) diferenças entre si:

                             

-O mesmo chefe em versões diferentes: Na foto menor o chefe da fase Bridge no Game Gear e na maior o da versão Master System. Os chefes também são diferentes na fase Sky Base, como se pode ver nas fotos a seguir.

                            

Enquanto na versão GG (Game Gear- sempre com fotos menores) o chão é formado por três “Lança Chamas” e a bolinha amarela que lança bolas elétricas ficam no centro da tela, na versão Master System, o chão é “liso” mas existe um equipamento que passeia pela fase lançando esporadicamente uma descarga elétrica. A bolinha amarela que lança os raios fica acima da cabine do Robotinik. 

-A localização da esmeralda na fase Labirinth Zone é diferente. Enquanto na versão Master System ela está escondida nos espinhos, na versão GG ela está bem a vista, no final da fase 

                             

-Pelas fotos também dá pra reparar que a caracterização do Sonic é diferente, assim como o esquema de cores. O desenho de algumas fases também sãp diferentes entre si, mas nada de muito chamativo.  Na fase Green Hill ainda há placas sinalizando penhascos no meio da fase.